Tem Reclamação de Bancos? Veja onde Recorrer em 5 Passos!

Reprodução: Google
Se você tem ou já teve algum problema com algum banco… Sinta-se à vontade! Afinal, você não é o único. O problema com os bancos é tema recorrente nos Procons, aliás, é o 2º maior problema, ficando atrás apenas das reclamações com as empresas de telefonia.

Conforme o Procon, as principais queixas são com cobranças indevidas, descumprimento de contrato e problemas com antecipação de financiamento.

As 10 Maiores Empresas de Tecnologia!

“O tema que recebe mais reclamações são as transações não reconhecidas seja no cartão de crédito, seja na conta corrente. Uma compra que eu não fiz, um seguro que não contratei”, diz a supervisora do Procon, Renata Reis.

Pensando nisso, as orientações para os clientes são as mesmas de sempre. Confira:

Reprodução: Google
  1. SAC do banco – O consumidor tem que ligar para o serviço de atendimento ao consumidor do banco e anotar o número do protocolo, nome do atendente e data da ligação. O prazo de respostas é de 5 dias.
  2. Ouvidoria do Banco – Após a reclamação, a ouvidoria tem 15 dias para responder ao cliente. Importante saber que a ouvidoria é supervisionada pelo Banco Central e normalmente, justamente por isso, costuma ser eficiente.
  3. Banco Central – A reclamação pode ser feita também pela internet, com prazo de respostas de até 10 dias úteis. A reclamação, depois de análise, pode compor o ranking das instituições que mais recebem reclamações.
  4. Procon – Banco e cliente tem uma relação de consumo e, por isso, é preciso reclamar ao Procon. Após a reclamação, a resposta deve ser enviada até 10 dias para responder. O Procon pode, inclusive, multar a empresa infratora.
  5. Justiça – Se nada disso der certo, o consumidor pode juntar todas as provas dos passos anteriores e entrar com uma ação no Poder Judiciário.

O Banco Central afirma que é importante o cliente reclamar porque os bancos não querem ter uma imagem ruim. Assim, com a reclamação, a instituição financeira cai no ranking bancário.

“Os grandes bancos querem conquistar e fidelizar os seus clientes e ter uma rentabilidade ao longo do tempo. Por isso, eles prezam e se preocupam de não ter uma imagem ruim junto ao serviço de atendimento do Banco Central”, disse o chefe do Banco Central, Fernando Dutra.

Com informações do UOL

Comente!

comentário