No gosto dos brasileiros, saiba quais são os 20 Jipes mais vendidos do país

Reprodução: Google
Os utilitários-esportivos estão em alta e o resultado disso é que atualmente existem mais de 64 opções de Jipes para os mais variados gostos e bolsos. A lista dos mais vendidos começa pelo HR-V, seguido pelo Renegade. Ambos estão entre os 10 carros mais emplacados do Brasil, junto com modelos mais simples, como Chevrolet Ônix e Fiat Palio. Veja os mais vendidos:

  1. Honda HR-V, a partir de 77 mil reais
  2. Jeep Renegade, a partir de 82 mil reais
  3. Ford Ecosport, a partir de 67 mil reais
  4. Renault Duster, a partir de 65,5 mil reais
  5. Chevrolet Tracker, a partir de 77 mil reais
  6. Toyota Sw4, a partir de 220 mil reais
  7. Mitsubishi Pajero, a partir de 164 mil reais
  8. Chevrolet Trailblazer, partir de 164 mil reais
  9. Hyundai ix35, a partir de 100 mil reais
  10. Mitsubishi Outlander, a partir de 130 mil reais
  11. Kia Sportage, com valor a partir de 104 mil reais
  12. Land Rover Discovery Sport, é o utilitário de luxo mais vendido, a partir de 207 mil reais
  13. Mitsubishi ASX, a partir de 98 mil reais
  14. Volvo XC60, a partir de 161 mil reais
  15. Fiat Freemont, a partir de 110 mil reais
  16. Dodge Jounery, a partir de 120 mil reais
  17. Jeep Cherokee, partir de 170 mil reais
  18. Hyundai Santa Fe, a partir de 176 mil reais
  19. Troller T4, o preço vai ser de 120 mil reais
  20. Jeep Wrangler, a partir de 170 mil reais

História – O Jipe ou Jeep assumiu a vida civil entre 1941 e 1956, depois do uso militar. Na época, ainda recebi ao nome original de 4×4 militar, no entanto, com o grande sucesso, a marca JEEP virou sinônimo de veículo off-road.

Reprodução: Google

Teoria – Alguns especialistas afirmar que o nome Jeep vem da pronuncia inglesa das letras GP, sigla de General Purpose (Uso Geral). Porém, a teoria mais aceita é a de que o veículo tomou nome devido ao desenho “Eugene the Jeep”, da turma do Popeye.

Na prática – Os soldados americano criam uma tradução para a sigla Jeep, que seria “Just Enough Essential Parts” ou “O Mínimo de Peças Essenciais”. No Brasil, o Jeep chegou em 1947 com a produção brasileira da picape entre 1961 e 1982.

Com informações do Estadão

Comente!

comentário