Como Surgiu a Festa Junina?

Reprodução: Google

Os meses de junho e julho são lembrados, entre outros motivos, por serem as épocas das famosas festas juninas! Dançar quadrilha, comer pipoca, pé de moleque, o famoso quentão e, é claro, a fogueira.

Mas, você já se perguntou: “Como surgiu a Festa Junina”?

Então, já você já havia se questionado sobre isso, agora vai poder saber tudo sobre essa curiosidade.

A data, nos dias de hoje, é considerada uma homenagem a três Santos Católicos: Santo Antônio (13 de junho), São João Batista (24 de junho) e São Pedro (29 de junho).

Mas, existe uma grande curiosidade sobre a Festa Junina: ela surgiu bem antes do catolicismo.

“Os europeus comemoram por séculos o solstício de verão de forma pagã”, afirma Fernando Pereira da Silva, especialista em cultura popular e professor da Universidade Mackenzie.

“As festividades eram uma forma de pedir por colheitas generosas. No Brasil, os índios também comemoravam algo semelhante na mesma data, principalmente os tupinambás”.

Agora vamos lá: no Brasil, os Jesuítas foram responsáveis por trazer e implantar o novo modelo de comemoração da Festa Junina.

1 – A Fogueira

A fogueira, por exemplo, representa uma homenagem aos deuses pagãos.

“A Igreja transformou à fogueira na maneira que Santa Isabel, mãe de João Baptista, avisou à Virgem de Maria que seu filho havia nascido para que ela pudesse visitá-lo”, afirma Fernando Silva.

2 – A Quadrilha

E a quadrilha, que é uma dança típica da festa junina, foi inspirada em uma dança de salão francesa no século 17, em pares os dançarinos faziam sequências coreografada de movimentos alegres.

Reprodução: Google

O estilo chegou ao Brasil no século 19, dois séculos depois, assim da forma que é representado até os dias atuais, tornando-se um grande nas festas juninas.

3 – As Comidas

As comidas típicas são milho, mandioca, amendoim e batata-doce, foram baseadas na culinária indígena e depois sofreram a influência da presença de negros, portugueses e italianos no Brasil.

Com a colonização portuguesa acrescentou novos ingredientes e hoje o cardápio conceitual é feito à base de milho verde, bolo de fubá, pé de moleque; e bebidas quentes como vinho quente e quentão. Além da pipoca, que também ganhou fama por aqui. Entre outras gostosuras.

Como economizar na organização de uma festa junina?

Com informações da abril, globo, ebc

Comente!

comentário