Caverna é descoberta no Reino Unido e pode ter sido usado pelos Cavaleiros Templários

Reprodução: Google
Imagina uma simples toca de coelho. Agora, imagine que ela está localizada em uma fazendo do Reino Unido. Agora, lembre-se do coelho da Alice, do País das Maravilhas. Bom, você com certeza lembrou que algo meio mágico, fantasioso, não é? Pois bem, essa simples toca de coelho levou à descoberta de um santuário subterrâneo usado por devotos de uma ordem religiosa medieval.

Se formos nos basear em lendas da época, podemos dizer que as Cavernas de Caynton, que ficam perto de Shinfnal, no condado de Shropshire (Inglaterra), eram frequentadas pelos Cavaleiros Templários. Essa ordem, que nos livros recebe o nome de a Ordem dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão, é totalmente militar e tinha o objetivo de proteger os cristãos que voltaram a fazer a peregrinação a Jerusalém.

Quanto à caverna, ela foi encontrada a menos de 1 metro abaixo do solo e parece estar com a estrutura intocada. Ainda não se sabe qual o seu propósito, mas conforme informações do Historic England, órgão do governo britânico, as cavernas são como grutas e devem ter sido construídas no final do século 18, assim, nesse tempo, a Ordem dos Templários, já não existia mais.

Ainda conforme a Historic England, a caverna pode ter sido usada para rituais de magia negra. Aí, em 2012, as cavernas foram bloqueadas com o objetivo de afastar vândalos. Mas, antes disso, o britânico Michael Scott foi fotografar o local. “Eu custei para encontra-las. Se você não sabe que elas estão ali, facilmente passaria batido. Considerando quando foram construídas, as cavernas estão em excelentes condições; é como se fosse um templo subterrâneo”.

Reprodução: Google

Tive de agachar e uma vez dentro do local era um silencio absoluto. Havia algumas aranhas lá, mas só isso”.

Sobre os Cavaleiros Templários

Era uma ordem militar católica que foi fundada no século 12 para proteger os peregrinos. Os membros eram cavaleiros que se vestiam como monges e andavam fortemente armados. Eles tinha certos privilégios e contava com o apoio sórdido da igreja. Apesar do nome, a ordem tornou-se muito rica, principalmente durante as Cruzadas, quando receberam doações em dinheiro, terras e negócios. Em 1095, o papa Urbano 2º prometeu aos cavaleiros europeus o perdão por seus pecados, desde que eles fossem á cruzada para reconquistar Jerusalém.

Com informações da UOL

Comente!

comentário